The emperor’s naked army marches on (O exército nu do imperador continua marchando)

Eu estava procurando documentários sobre o Japão. Minha preferência era para filmes atuais, que falassem da cultura, da língua, dos hábitos antigos, mas ao mesmo tempo com uma linguagem moderna. Acabei achando uma pérola rara, algo que eu jamais imaginaria encontrar numa busca como essa, sobretudo porque descartei no princípio diversos filmes que falavam sobre a segunda grande guerra (existem muitos que falam sobre a participação do Japão).

 The emperor’s naked army marches on, em japonês, ゆきゆきて、神軍, Yuki Yukite Shingun, ou como encontrei na tradução para o português em alguns sites O exército nu do imperador continua marchando é um documentário surpreendente, forte, e ao mesmo tempo de uma montagem muito inusitada para a época em que foi feito (a produção do filme foi feita em 5 anos, sendo iniciado em 1982 e lançado finalmente em 1987).

Numa descrição breve, é possível dizer que o filme aborda a busca de Okuzaki Kenzo, personagem principal da obra, por fatos que esclareçam mortes de soldados num dos fronts japoneses da 2a Guerra. Um senhor de 62 anos, real sobrevivente, ex-soldados do exército japonês na Nova Guiné, saído da prisão após cumprir pena de 13 anos por 3 ditos crimes contra o imperador, o sr. Kenzo não mede esforços para encontrar algumas respostas. 40 anos após o fuzilamento de seus companheiros, ele busca um por um dos combatentes envolvidos e tenta expor cada um ao constrangimento, numa atuação quase de escracho, chegando a exigir de alguns que se desculpem pelo mal feito. Isso envolve visita a casa de familiares das vítimas, aparições pública com carros de som, entre outras estratégias.

Visto de um olhar documental, é possível argumentar que a verdade é algo que pode ser tomada de muitos focos, visões e prismas diferentes. No filme há certamente uma outra posição a cerca dos fatos ocorridos no conflito. A visão oficial de que tais soldados teriam morrido por acusações como deserção parece se dissolver em meio a muitos outros fatos obscuros.

O filme vale cada minuto. Não espere, claro, ver uma edição fantástica em termos técnicos, nem uma qualidade de imagem brilhante (talvez para uma remasterização, um dia). Lembre-se como eram as câmeras na década de 80. Mas certamente tenha a certeza de que esse é um material raro, espontâneo e que mexe muito com a noção de formação cultural japonesa no século XX, sobretudo com relação a assuntos ligados a honra, tradição e guerra.

Link para o IMDB: http://www.imdb.com/title/tt0092963/

Um review que recomendo: http://tocadocinefilo.com/2006/09/22/o_exercito_nu_do_imperador_con/

Deixo aqui dois trechos que encontrei no youtube (legendas em inglês):

E para quem quiser baixar, segue aqui o torrent e a legenda em português:

Torrent: https://thepiratebay.se/torrent/3702406/The_Emperor%27s_Naked_Army_Marches_On

Legenda: http://www.opensubtitles.org/pt/subtitles/4566186/yuki-yukite-shingun-pb

Deixe um comentário

Seu e-mail não será publicado.


*